quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Cúpula Geodésica e andar como os pinguins!


Sobre o Ano Internacional da Terra já referimos aqui alguns eventos e relembrámos atitudes que devemos ter para perservar este nosso condomínio!

Agora, sobre o Ano Internacional dos Oceanos, não falámos muito nas aulas, nem a professora A, de Geografia, me fez qualquer referência, pelo que nem me lembrei desta efeméride!

Bom, mas vamos agora falar um pouco das comemorações sobre os Oceanos e associá-las à Matemática.

Até ao dia 16 de Agosto, decorre o "Festival dos Oceanos" com a "Polar Experience" , que recria dentro de um igloo , uma experiência polar.

Andar como os pinguins!

Vão até lá e façam como estes meninos...




oiçam aqui a entrevista e vejam as imagens!


Domo, Cúpula Geodésica, Igloo


Tantos nomes, dirão! É verdade, a palavra mais conhecida é o Igloo, mas Domo e Cúpula geodésica são palavras que se usam para denominar uma estrutura arquitectónica, similar ao igloo e à palhota africana ,construções, estas, que o homem usa deste os primórdios da civilização.

A construção do Igloo e da Palhota, assentam em processos arquitectónicos que pressupõem uma estrutura geométrica, que lhes conferem a sustentabilidade necessária para suportarem os condicionalismos atmosféricos a que estarão sujeitas.

O Domo ou a Cúpula geodésica apareceram mais tarde, na história da arquitectura e foram sempre alvo de estudo, e estudo comparativo com o que à natureza se assemelha.

Richard Buckminster Füller, um arquitecto do século passado, seguindo os princípios gregos e na busca de atingir mais qualidade de vida para todos os homens com cada vez menos recursos, centrou os seus estudos naquilo que ele designava como "Comprehensive Anticipatory Design Science", criando assim o Domo geodésico, estrutura criada fruto das suas pesquisas e estudos com o objectivo de encontrar o máximo de eficiência na tecnologia das estruturas.

"Os conceitos geométricos estudados por Fuller têm sobrevivido ao seu criador de forma inesperada: a estrutura biológica dos vírus, dos quasi-cristais e dos buckminsterfullerenos (a terceira forma alotrópica do carbono puro, para além do diamante e da grafite, excluindo o carvão, que é amorfo) demonstram bem que Buckminster soube interpretar os fundamentos geométricos da natureza, para além do que, talvez ele mesmo pudesse predizer.in wikipedia"

"Cúpulas geodésicas ou domos geodésicos são estruturas cuja construção se baseia no facto de que quando quatro triângulos se combinam de modo a formar uma pirâmide sendo a própria base desta pirâmide também um triângulo forma-se um tetraedro.

Juntando-se vários tetraedros para formar uma esfera e cortando-se a esfera ao meio , o hemisfério assim formado revela-se um domo de extraordinária resistência e de leveza excepcional." in Wikipédia

Contudo, podemos construir um Domo de forma mais fácil!

Vejam neste vídeo da Hila Science, colocado no Google Vídeos, como se pode construir com cartolina um Domo.

Apenas com triângulos! A estrutura geométrica mais estável, como já estudámos e provámos nas aulas de Geometria.

Lembram-se das pavimentações? Ora bem, aqui temos, não pavimentação, mas a construção de ma estrutura a 3 dimensões e como sugestão, tentem construir sólidos geométricos com triângulos, quadrados, pentágonos, hexágonos!

Vamos lá, vejam se conseguem e como conseguem...

No 1º período será esta uma das tarefas! ( para quem estará no 10º ano)


Aqui para ver o filme




Sem comentários: